17 outubro 2016

Diretório Central dos Estudantes desocupa reitoria da Univasf

ocupam
NOTA DO DIRETÓRIO CENTRAL DAS/OS ESTUDANTES
O DCE/ Univasf vem comunicar o fim da ocupação da reitoria da nossa Universidade, encerrada no dia 14 de outubro, após realização de Assembleia Estudantil e já aproveita este espaço para parabenizar a todas e todos que construíram, com muita garra e luta, os cinco (5) dias de ocupação.
A união das e dos estudantes em torno da pauta da Assistência Estudantil, intensificada após um calendário de mobilizações movido pelo DCE, culminou com um dos momentos mais bonitos e de maior mobilização estudantil da história da Univasf. Essa luta é justíssima e não se iniciou agora, mas há anos quando o Movimento Estudantil passou a exigir da nossa Universidade um Plano de Assistência Estudantil que possibilitasse a milhares de estudantes, em situação de vulnerabilidade socioeconômica, o ingresso e a permanência na Univasf.
No entanto, demandas, arduamente conquistadas, estiveram ameaçadas nos últimos meses. No dia 08 de outubro, na reunião da Câmara de Assistência Estudantil (CAE), fomos informados que não havia orçamento previsto para o pagamento de bolsas e auxílios no ano de 2017, o que implicaria no aumento da evasão e na destruição do sonho de permanecer na Universidade daquelas(es) que não conseguem continuar a trilhar seus caminhos na Univasf sem a Assistência Estudantil.
A partir daí, as(os) estudantes presentes organizaram uma Assembleia que resultou com uma série de atividades de resistência aos cortes sinalizados, culminando com a ocupação da reitoria e com a paralisação das aulas no dia 10 de outubro, iniciando um momento singular da história da Univasf, quando foram promovidos espaços que contavam com a participação de mais de 600 estudantes, que juntas(os) debateram a Assistência Estudantil e outras temáticas relacionadas aos retrocessos que estamos sofrendo atualmente.
Em um desses espaços, as(os) estudantes presentes construíram as suas pautas de reivindicação, que foram apresentadas à reitoria, sendo elas:
– Manutenção do Transporte Estudantil como está atualmente e acréscimo de 01 micro-ônibus e de 01 ônibus à frota do transporte estudantil intercampi;
– Manifestação da Universidade contra a PEC-241;
– Garantia de abertura dos editais de bolsas e auxílios até novembro de 2016;
– Apresentação de um estudo sobre o modelo de gestão dos Restaurantes Universitários em até 30 dias;
– Colocar a construção de Residências Universitárias para os campi que não as possuem como obras prioritárias para a gestão.
Através de momentos que envolviam o DCE, os diretórios/centros acadêmicos e as(os) estudantes, cada uma dessas pautas foi debatida intensamente, o que deu segurança ao Movimento Grevista para lutar por avanços junto à reitoria. Dessa forma, foi conquistado:
– A manutenção do Transporte Estudantil da mesma forma até o próximo ano, sendo que será apresentada à CAE a possibilidade de acréscimo do micro-ônibus e do ônibus;
– Será elaborado um ofício contra a PEC-241, que a partir do Conselho Universitário, será enviado para o Ministério da Educação, Ministério da Saúde, presidência da Câmara das(os) Deputadas(os) e presidência do Senado;
– A abertura dos editais de bolsas e auxílios até novembro de 2016;
– Apresentação de um estudo qualitativo, em 30 dias, sobre a gestão dos Restaurantes Universitários, e a criação de uma comissão formada por estudantes que acompanhará todo o processo de avaliação da gestão desses dispositivos;
– Conclusão dos projetos executivos das Residências Universitárias para os campi que não as possui até o primeiro semestre do primeiro ano.
Sendo assim, o DCE reconhece o avanço em cada uma das pautas defendidas pelas(os) estudantes como grandiosa conquista, principalmente ao levar em consideração o cenário político e econômico do país, que, infelizmente, nos indica que a garantia de direitos está cada vez mais comprometida. Vale ressaltar que o DCE não aceitará que quaisquer destes avanços estejam condicionados a retrocessos para a classe trabalhadora, e é por isso que estaremos buscando uma gestão cada vez mais participativa, para que, se houver cortes, os mesmos não atinjam as(os) terceirizadas(os) da nossa instituição.
No que tange ao processo e ocupação, o DCE reconhece as falhas frutos das dificuldades e tensões que emergiram a todo momento reafirmando seu compromisso atenuando-as conforme possível. Entretanto, não se pode desmerecer a importância de tudo que foi feito e dos resultados que obtivemos. Em tempo, aproveitamos para nos desculpar pelos incômodos causados a comunidade acadêmica e ansiamos que estudantes, técnicas(os) e servidoras(es) reconheçam a necessidade de toda essa mobilização, além de nos colocarmos à disposição para quaisquer esclarecimentos.
Mais do que nunca é necessário que nós, estudantes, estejamos em luta e travemos batalhas em defesa de uma Educação pública, gratuita e de qualidade, juntando-nos às outras categorias que estão na busca da garantia de nossos direitos.
Para encerrar, o sentimento que define a luta protagonizada pelas(os) estudantes que se dispuseram a forjar-se nesta construção é ORGULHO. O despertar da categoria estudantil evidencia o empenho e a força à mudança. Tal processo demarca a identidade das(os) estudantes univasfianas(os), diante de toda comunidade acadêmica e externa, referenciando-se diante do compromisso de fazer da Univasf um espaço de mudança social, na medida em que se dispõe a lutar pela garantia do direito de permanecer da Universidade.
Aproveitamos para convocar as(os) estudantes da Univasf para participarem da nossa próxima Assembleia, a ser realizada no dia 17 de outubro, às 18:30h, no Auditório da Biblioteca, do campus Centro, que tem como ponto de pauta a avaliação da Greve Estudantil.
SEGUIREMOS EM LUTA!!
Ascom
Blog Bruno Brito
Compartilhar:
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Broomer






ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI

PARCERIA
















Tecnologia do Blogger.

ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI

MESTRE SERVIÇOS






PARCEIRO






Cachoeira do Roberto 200 Anos

Cachoeira do Roberto 200 Anos

Instagram


Pesquise







Mais Acessadas

ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI