09 agosto 2018

“Dia do Basta”: centrais e frentes populares convocam para coletiva de imprensa e ato de protesto

Resultado de imagem para "Dia do Basta":
As Centrais Sindicais em Pernambuco e os movimentos sociais intensificam os preparativos para o “Dia do Basta”, em 10 de agosto, nesta sexta-feira. O movimento, também chamado de Dia Nacional de Mobilização e paralisações, ocorrerá em todo o País.
Nesta quinta-feira, dia 9 agosto, representantes das Centrais Sindicais de Pernambuco (CUT, CTB, CSP Conlutas, Força Sindical, Nova Central e UGT). se reúnem, às 10h, em coletiva de imprensa, na sede da CUT, em bairro de Santo Amaro.Em pauta: informes, detalhes e esclarecimentos do Dia do Basta. No Recife, as centrais e os movimentos sociais marcaram a concentração para o ato a partir das 15h, na Praça da Democracia/Derby, seguido de ato de protesto, com participação de várias categorias de trabalhadoras e trabalhadores, organizações de mulheres, estudantis, negros,LGBT e populares.
Resultado de imagem para "Dia do Basta":
Vale salientar que as Centrais também já produziram o material de divulgação padronizado, que está sendo reproduzido pelos Sindicatos, Federações e Confederações. Além da exposição das peças nas redes de comunicação próprias de cada entidade, alguns materiais de convocação dos atos estão sendo impressos e distribuídos nas bases.
 “Desde a semana passada que as entidades sindicais pernambucanas estão panfletando pelos principais corredores do Centro do Recife,  convocando a população para participar e ampliar as manifestações. “Orientamos também os militantes e as organizações do movimento social, sindical, artístico e cultural que constroem as Frentes em todo o Brasil a aprofundar o diálogo com a população, bem como as centrais sindicais, no sentido de apoiar as paralisações das diversas categorias” assinala o comunicado
Em junho passado, as centrais aprovaram uma “agenda prioritária da classe trabalhadora”, com propostas para o próximo governo. O documento já foi entregue a candidatos e líderes partidários. Entre as pautas, os trabalhadores protestam contra a política de preços da Petrobras e o aumento do gás de cozinha, os cortes pelo governo Temer nas políticas sociais e a liberdade do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e seu direito de concorrer à Presidência da República nas eleições de outubro. As entidades querem ainda a revogação da Lei 13.467, de “reforma” trabalhista, e da Emenda Constitucional 95, que congela gastos públicos por 20 anos. (Ascom)
Blog Bruno Brito
Compartilhar:
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Broomer






ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI

PARCERIA
















Tecnologia do Blogger.

ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI

MESTRE SERVIÇOS






PARCEIRO






Cachoeira do Roberto 200 Anos

Cachoeira do Roberto 200 Anos

Instagram


Pesquise







Mais Acessadas

ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI