24 maio 2019

Tradição: ‘Jecana do Capim’ acontecerá em Petrolina no primeiro final de semana de junho

Evento tradicional do calendário dos festejos juninos de Petrolina há 48 anos, a ‘Jecana do Capim’ acontecerá nos dias 1º e 2 de junho deste ano, com apoio da Prefeitura de Petrolina. O evento promete muito forró, corrida e desfile de jegues ornamentados, com premiação de um total de R$ 30 mil. Os interessados em competir têm até 29 de maio para se inscreverem, pelo site www.even3.com.br/jecanadocapim
A Jecana pretende atrair um público de mais de 10 mil pessoas. A festa é um tributo ao jegue, animal simbólico e de importância histórica, que já foi muito utilizado como tração no Nordeste, auxiliando nas mais variadas demandas do homem do campo e que hoje sofre com a desvalorização destinada à sua espécie.
A Associação de Moradores do Capim, também organizadora do evento junto à Prefeitura de Petrolina, ressalta a importância da participação de visitantes de diversos municípios nordestinos como explica a presidente da Associação, Cecília Rodrigues. “A Jecana tomou uma proporção regional maior porque vem participantes jegueiros de vários estados como Piauí, Paraíba, Sergipe”, disse.
A programação tem início na sexta-feira, 31 de maio, com missa às 19h na igreja católica local. No sábado, dia 1º de junho, às 14h terá início o ‘Torneio de Futebol Júlio José dos Santos’, no campo da comunidade, às 17h haverá a ‘Jegueada’ dentro da vila, no mesmo percurso da corrida; no período da noite estarão abertas as barracas e haverá shows a partir das 20h com as atrações musicais César Tenório, Suzana Coelho e Sérgio do Forró. Já no domingo (2), acontecerá a tradicional corrida de jegue às 9h, em seguida o ‘Forró do Poeirão’ com shows dos artistas Guilherme Dantas e Victor Fernandes.
Blog Bruno Brito
Compartilhar:

Bolsonaro se reúne com governadores em Recife, encara manifestações e à tarde desembarga em Petrolina-PE

Primeira visita oficial do presidente no Nordeste acontece nesta sexta-feira (24) no Instituto Ricardo Brennand
Durante visita presidencial a Pernambuco, apoiadores e críticos do presidente Jair Bolsonaro (PSL) foram às ruas da Capital para manifestar seus posicionamentos. O presidente desembarcou no Aeroporto Internacional do Recife na manhã desta sexta-feira (24) às 9h20 e seguiu para agenda no Instituto Ricardo Brennand, localizado na Várzea, Zona Oeste do Recife. Em frente ao Instituto, dezenas de pessoas se aglomeravam.
Munidos de faixas e cartazes vermelhos, os protestantes mais críticos ao presidente, dividiam o microfone para discursar e entoavam músicas do anos 70 e 80. Houve princípio de confusão, mas já foi contida. O batalhão de Choque chegou ao local pouco depois.
Do lado das manifestações de apoiadores, o grupo veste verde e amarelo e carrega bandeiras do Brasil. Além de também dividir o microfone para discursos.

Bolsonaro no Recife

Em primeira viagem oficial ao Nordeste, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) se reúne com Governadores de 11 Estados no Instituto Ricardo Brennand para Reunião do Conselho Deliberativo da Sudene. É nessa região que o presidente registra as piores avaliações – para 40% dos nordestinos, o governo é ruim ou péssimo, conforme o Ibope. O roteiro tomará toda a sexta-feira (24). Em Petrolina (PE), Bolsonaro vai entregar um conjunto habitacional do programa Minha Casa Minha Vida. Em Recife (PE), deverá anunciar um acréscimo de R$ 2,1 bilhões ao Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste, a ser usado em obras de infraestrutura. Ao todo, o fundo passará a ter R$ 25,8 bilhões em 2019. (JC Online)
Blog Bruno Brito
Compartilhar:
20 maio 2019

Após derrotas, Moro tenta salvar a principal bandeira

Após derrotas e pé no STF, o ministro da justiça, Sérgio Moro tenta salvar sua principal bandeira.
Do Jornal do Brasil
Após sucessivas derrotas, a mais recente envolvendo o Coaf (Conselho de Controle de Atividades Financeiras), o ministro Sergio Moro (Justiça) intensificou a agenda política para tentar acelerar a tramitação no Congresso daquela que é considerada sua principal iniciativa, o pacote anticrime.
Na manhã de quinta-feira (16), Moro foi à residência oficial do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), para pedir o apoio do parlamentar ao avanço do projeto na Casa.
Alvo da resistência de vários políticos por personificar a Lava Jato, a operação que dizimou integrantes de diversas legendas nos últimos anos, o ex-juiz federal tem buscado auxílio de Maia para tentar vencer esses obstáculos. […] Confira a íntegra aqui: Após derrotas e pé no STFMoro tenta salvar sua principal band
Blog Bruno Brito
Compartilhar:

Bolsonaro organiza primeira viagem ao Nordeste; presidente estará em Petrolina na sexta(24)

O presidente Jair Bolsonaro decidiu fazer uma ofensiva em território quase todo comandado por governadores da oposição. Na semana seguinte aos maiores protestos de rua contra seu governo, Bolsonaro fará a primeira viagem oficial ao Nordeste, para entregar casas populares e anunciar mais verbas para obras de infraestrutura. É nessa região que o presidente registra as piores avaliações – para 40% dos nordestinos, o governo é ruim ou péssimo, conforme o Ibope.
O roteiro tomará toda a sexta-feira (24). Em Petrolina (PE), Bolsonaro vai entregar um conjunto habitacional do programa Minha Casa Minha Vida. Em Recife (PE), deverá anunciar um acréscimo de R$ 2,1 bilhões ao Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste, a ser usado em obras de infraestrutura. Ao todo, o fundo passará a ter R$ 25,8 bilhões em 2019.
Oficialmente, a viagem marcará o lançamento do Plano Regional de Desenvolvimento do Nordeste (PRDNE), elaborado pela primeira vez, no âmbito da Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste (Sudene). O presidente vai se reunir, no Instituto Ricardo Brennand, complexo cultural da capital pernambucana, com 11 governadores. Todos da região confirmaram presença – Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe. Além deles, irão os governadores de Minas Gerais e Espírito Santo, abrangendo parte do Sudene. Parlamentares nordestinos, que cobravam a ida do presidente à região, também estão sendo convidados.
Na primeira entrevista após assumir o cargo, Bolsonaro disse que os governadores nordestinos não deveriam pedir dinheiro a ele. “Não venham pedir nada para mim, porque não sou presidente. O presidente está lá em Curitiba”, disse ele, em referência ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, condenado e preso na Lava Jato. Bolsonaro, porém, argumentou que não abriria uma guerra política para não prejudicar os eleitores. “Não posso fazer uma guerra com governador do Nordeste atrapalhando a população. O homem mais sofrido do Brasil está na Região Nordeste. Vamos mergulhar para resolver muitos problemas do Nordeste.”
A viagem de Bolsonaro foi precedida de encontros com esses governadores. Em uma reunião recente em Brasília, ministros palacianos apelaram por mais apoio à reforma da Previdência. Argumentaram que, apesar das diferenças políticas, não era mais tempo de “palanque”.
Os governadores disseram entender a necessidade da reforma, mas cobraram proteção aos pobres do Nordeste. A região registra a maior taxa de desemprego no País: 15,3%, acima da média nacional, de 12,7%. E vem sofrendo com o arrocho no orçamento. Nos três primeiros meses do ano, Bolsonaro enviou R$ 242 milhões aos Estados nordestinos. Sem descontar a inflação no período, foram 3,2% a menos frente a igual período do ano passado, ainda na gestão de Michel Temer. Os números referem-se aos recursos para despesas discricionárias, que o governo pode ou não fazer. Não entram nessa conta as transferências obrigatórias.
Cortes
Em carta aberta após encontro com Bolsonaro em Brasília, os governadores do Nordeste reclamaram dos cortes orçamentários nas universidades e nos institutos federais, que motivaram as marchas de rua da semana passada, e solicitaram a retomada de obras rodoviárias, de segurança hídrica e habitacionais, como forma de combater o desemprego. “A pauta dele não tem nada a ver com a necessidade do Brasil. Dar arma a vereador, tem coisa mais velha que isso?”, comentou um governador, reservadamente, ao deixar o encontro.
Em 2018, o petista Fernando Haddad venceu em todos os Estados do Nordeste. Para reverter o quadro negativo, Bolsonaro encomendou aos ministros ações imediatas, além do plano de longo prazo.
Os ministros prepararam a Agenda Nordeste, um conjunto de ações de curto prazo – a maioria delas já existia em governos anteriores, mas será remodelada. Entre elas, estão a instalação de cisternas nas escolas (do Ministério da Cidadania), que também anunciou pagamento de 13º no Bolsa Família; a aquisição de alimentos da agricultura familiar e crédito fundiário (a cargo da pasta da Agricultura); ligação por internet em escolas rurais e o estímulo ao interesse por ciências (Ciência e Tecnologia e Educação); a Rede Cegonha, de atenção básica a mães e bebês (Saúde).
“A região precisa de atenção especial, é a que tem a maior representatividade do País, com maior número de governadores”, diz o ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto. “A ida dele traz um marco para a região, mostra visão estratégia que vai além do governo dele. O plano é pensado para 12 anos, extrapola a gestão e mostra um pensamento de Estado.”  (Jornal O Estado de S. Paulo)
Blog Bruno Brito
Compartilhar:
16 maio 2019

AFRÂNIO/PE- Cachoeira do Roberto já se prepara para vivenciar a romaria do Divino Espírito Santo


Resultado de imagem para festa do divino espírito santo cachoeira do roberto

Resultado de imagem para festa do divino espírito santo cachoeira do roberto

O pequeno povoado de Cachoeira do Roberto a 24km da cidade de Afrânio no Sertão do São Francisco, já se prepara para vivenciar a tradicional festa de Romaria do Espírito Santo.

Desde o dia 30/04 a imagem do Espírito Santo está em peregrinação pelas regiões circunvizinhas do distrito de Cachoeira do Roberto, no dia 30/05 a imagem retornará a igreja da comunidade, saindo da roça de Leléu em procissão e em seguida hasteamento da bandeira, no dia 31/05 inciará o novenário com missa as 19h:30, como de costume os festejos encerrará no dia de Pentecostes 09/06 com missa presidida pelo Bispo Diocesano Dom Francisco Canindé as 10h:00.

O evento deve receber mais de 20 mil romeiros, que vão mobilizar o povoado em todos os sentidos. O cenário é o de sempre: ao encerrar a missa, os romeiros saem em procissão com a imagem do Espírito Santo até a igrejinha, distante 3km do povoado.

Os pagadores de promessas não medem esforços e enfrentam o sol quente e a distância e normalmente vão de pés descalços para agradeceram as graças alcançadas.

No Sábado dia 08/06 haverá festa dançante na quadra poliesportiva com o cantor Elson Vaqueiro e atrações regionais.

Blog Bruno Brito
Compartilhar:
15 maio 2019

Ministério Publico Federal pede suspensão do decreto das armas de Bolsonaro

Resultado de imagem para Ministério Publico Federal pede suspensão do decreto das armas de Bolsonaro
O MPF apresentou uma ação à Justiça Federal em Brasília nesta terça-feira (14) pedindo para suspender integralmente o decreto que facilita o porte de armas.
Na ação, o MPF argumenta que o decreto “exorbita sua natureza regulamentar” e contraria o estatuto do desarmamento, colocando “em risco a segurança pública de todos os brasileiros”. “Não poderia o Presidente da República, através de Decreto, de modo genérico e permanente, dispensar a análise do requisito”, argumentou o órgão. A informação é do G1.
Blog Bruno Brito
Compartilhar:

Enquanto ministro tenta justificar corte na educação, manifestações tomam conta do país

Cartazes, gritos de protesto contra o desmanche da educação podem ser observados em cidades como Salvador (BA), Curitiba (PR), Belo Horizonte (MG), Brasília, entre muitas outras.

Enquanto o ministro da Educação, Abraham Weintraub, tentava “explicar” no Congresso as razões que levaram o governo a promover cortes profundos na educação, as manifestações contra o bloqueio das verbas tomavam conta do país.
Brasília – Foto: Reprodução
Curitiba – Foto: Eduardo Matysiak
Salvador – Foto: Reprodução
Todos os estados, além de Brasília, registram manifestações. Pela manhã e à tarde houve atos em, pelo menos, 150 cidades. Universidades e escolas também fizeram paralisações após convocação de entidades ligadas a sindicatos, movimentos sociais e estudantis e partidos políticos.
Cartazes, gritos de protesto contra o desmanche da educação podem ser observados em cidades como Salvador (BA), Curitiba (PR), Belo Horizonte (MG), Brasília, entre muitas outras.
Acompanhe alguns locais de manifestações:
Neste momento acontece o Abraço ao instituto Federal Porto Alegre. Foto: Marcelo Ferreira.   http://bit.ly/LevantedaEducacao 
Vídeo incorporado
Ver imagem no TwitterVer imagem no TwitterVer imagem no Twitter
“O verdadeiro pacote anticrime é a Educação” defende manifestante em cartaz durante ato em Amargosa, Bahia, Foto: @mpa_campesinato  http://bit.ly/LevantedaEducacao 
Vídeo incorporado
 em Recife: Ato em defesa da Educação pública e contra a reforma da Previdência, na rua da Aurora. 
Ver imagem no TwitterVer imagem no TwitterVer imagem no TwitterVer imagem no Twitter
Ato em São Paulo, capital, começou às 14h e já reúne milhares de estudantes, professores e defensores da educação.  http://bit.ly/LevantedaEducacao 
Vídeo incorporado
Mais de 100 mil participaram do ato em Belo Horizonte (MG) contra os ataques à educação do governo Bolsonaro. Mobilizações em todo o Brasil continuam na tarde desta quarta em defesa da educação pública. https://www.brasildefato.com.br/especiais/levante-da-educacao/   
Blog Bruno Brito 
Compartilhar:

ADALBERTO CAVALCANTI E LÚCIA MARIANO COM OS CORAÇÕES CHEIOS DE ALEGRIA CONVIDA A TODOS PARA RECEBEREM O MAIS NOVO MÉDICO DA FAMÍLIA, ADALBERTO CAVALCANTI RODRIGUES FILHO RECEBERÁ O CRM NO DIA 22/05 EM TERESINA-PI.



Com os corações cheios de alegria, Adalberto Cavalcanti e sua esposa Lúcia Mariano estarão juntamente com toda à família e amigos no dia 22/05 em Teresina-PI recebendo o mais novo médico da família, Adalberto Cavalcanti Rodrigues Filho que estará recebendo o CRM (Conselho Regional de Medicina).

Adalberto e Lúcia, além do filho que vai começar atuar na área da medicina, são pais de duas conceituadas médicas do Vale do São Francisco, Drª Marília Cavalcanti e a Dermatologista Drª Natália Cavalcanti.

“É um momento de muita alegria e gratidão à Deus, pois além das nossas duas filhas formadas em medicina, estaremos recebendo o nosso filho formado, a ele desejamos sucesso e proteção Divina.” Concluiu os pais Lúcia e Adalberto

Blog Bruno Brito

Compartilhar:
14 maio 2019

Por unanimidade, Sexta Turma do STJ decide soltar Temer e coronel Lima

Decisão liminar (provisória) também beneficiou coronel Lima, amigo do ex-presidente. Os dois são réus em ação penal que investiga desvios na construção da usina de Angra 3.

Por unanimidade, a Sexta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu liminarmente (provisoriamente) conceder habeas corpus e libertar o ex-presidente Michel Temer, preso na sede do Comando de Policiamento de Choque, da Polícia Militar, em São Paulo.
Os quatro ministros que votaram (Antônio Saldanha, Laurita Vaz, Rogério Schietti e Néfi Cordeiro) se manifestaram favoravelmente à libertação de Temer e do coronel João Baptista Lima Filho, ex-assessor e amigo pessoal do ex-presidente – outro integrante da turma, o ministro Sebastião Reis Junior se declarou impedido e não participou da sessão.
Com a decisão, Temer e Lima permanecem em liberdade pelo menos até o julgamento definitivo do mérito do habeas corpus, pela própria Sexta Turma, em data ainda não definida.
Os ministros que votaram na sessão desta terça se manifestaram pela substituição da prisão pelas seguintes medidas cautelares:
  • proibição de manter contato com outros investigados;
  • proibição de mudança de endereço e de se ausentar do país;
  • entregar o passaporte;
  • bloqueio dos bens até o limite de sua responsabilidade;
  • não contato com pessoas jurídicas relacionadas ao processo;
  • proibição de ocupara cargo público e exercer funções de direção em órgãos partidários.
Temer e Lima são réus por corrupção, lavagem de dinheiro e peculato em uma ação penal que tramita no Rio de Janeiro e apura supostos desvios na construção da Usina Angra 3, operada pela Eletronuclear.
Blog Bruno Brito
Compartilhar:

Câmara convoca Weintraub para explicar bloqueio a universidades

Ministro deve comparecer à comissão geral nesta quarta-feira às 15h

Plenário da Câmara dos Deputados analisa requerimento de convocação do ministro da Educação, Abraham Weintraub, para prestar esclarecimentos sobre os cortes orçamentários realizados nos programas de sua pasta.
O plenário da Câmara aprovou nesta terça-feira (14), por 307 votos a 82, a convocação do ministro da Educação, Abraham Weintraub, para explicar aos parlamentares os cortes no orçamento das universidades públicas e de institutos federais.
Por se tratar de convocação, o ministro é obrigado a comparecer à comissão geral que o ouvirá no plenário da Câmara nesta quarta-feira (15), às 15h. Segundo o autor do pedido, deputado Orlando Silva (PCdoB-SP), o ministro precisa explicar como será feito o bloqueio dos recursos.
“É uma oportunidade para que o povo brasileiro perceba que a Câmara dos Deputados está sensível ao clamor da sociedade, já que amanhã as ruas serão ocupadas por gente preocupada com a cultura e a educação. O ministro vai explicar o corte de 30% das universidades e institutos federais”, comentou.
Antes da votação, a líder do governo no Congresso, deputada Joice Hasselmann (PSL-SP) havia declarado que o ministro da Educação está preparado para debater e esclarecer a situação da pasta. “O ministro [da Educação] é preparado para falar sobre o assunto. A convocação não é agradável, mas é do jogo democrático e, se a maioria quiser convocá-lo, ele virá”, afirmou.
Apenas PSL e Novo orientaram seus parlamentares a votar contra a convocação. Para a deputada Carla Zambelli (PSL-SP), a convocação é um instrumento para adiar a votação de medidas provisórias importantes para o governo federal, como a MP 870, da reforma administrativa, que definiu a estrutura de governo na gestão Bolsonaro e foi modificada por parlamentares, em comissão mista, na semana passada. A medida que altera a estrutura ministerial perde validade no dia 3 de junho e precisa ser votada por deputados e posteriormente por senadores para que não deixe de vigorar.
“Qual é a intenção real de se convocar ministro para ir ao Plenário? Por que estão com medo de discutir as medidas provisórias? Por que insistem em tirar o Coaf do Moro? Para proibir a Receita Federal de representar? ”, argumentou.(Agencia Brasil)
Blog Bruno Brito
Compartilhar:
Postagens mais antigas → Página inicial

CONNECT VIAGENS E TURISMO






Broomer






ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI











Tecnologia do Blogger.

ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI

MESTRE SERVIÇOS






PARCEIRO






Cachoeira do Roberto 200 Anos

Cachoeira do Roberto 200 Anos

Instagram


Pesquise







Mais Acessadas

ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI