14 junho 2019

Mais de 45 milhões cruzam os braços na Greve Geral

Resultado de imagem para MAIS DE 45 MILHÕES CRUZAM OS BRAÇOS NA GREVE GERAL
Balanço da Central Única dos Trabalhadores (CUT) indica que que 45 milhões de trabalhadores participaram de atos ou paralisações até o início da tarde na Greve Geral desta sexa-feira (14J). Até as 13 horas, mais de 300 cidades de todos os estados haviam registrado protestos.
Segundo boletim parcial das centrais sindicais e de movimentos populares, dezenas de cidades amanheceram com o transporte público total ou parcialmente parado – como São Paulo, Maringá (PR), Aracaju (SE), Florianópolis (SC), Brasília (DF), Volta Redonda (RJ), Sorocaba (SP), Feira de Santana (BA), Piracicaba (SP), Campo Grande (MS), Curitiba (PR e Salvador (BA).
Das 27 capitais, 19 tiveram o sistema de ônibus afetado pela mobilização. Outras oito não tiveram interrupção no transporte coletivo por ônibus, mas registraram bloqueios de ruas ou estradas por manifestantes, ou tiveram paralisação parcial no metrô.
Passeata em Florianópolis, Santa Catarina, no amanhecer desta sexta-feira (14). (Foto: Divulgação)
Também estão parados trabalhadores de portos como o de Pecém no Ceará; refinarias, como Recap em Mauá e Abreu e Lima em Pernambuco; indústria metalúrgica, como Volks e Mercedes em São Bernardo; energia; bancários em São Paulo e no ABC; pessoal da Saúde; Eletricitários; Correios no Rio e São Paulo; e universidades como UFRJ, UFSC, UFAL, UFBA e UFCG; segundo os primeiros balanços.
Além das paralisações, o dia de Greve Geral está sendo marcado por dezenas de atos em todo país, organizados por movimentos populalres como o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), Movimento dos Atingidos por Barreiras (MAB) e Marcha Mundial das Mulheres, com interdições de rodovias e avenidas.
Passeata em Florianópolis, Santa Catarina, no amanhecer desta sexta-feira (14). (Foto: Divulgação)
Na cidade de São Paulo, ocorreram bloqueios na avenida 23 de Maio, no elevado João Goulart, na USP e em Sapopemba, entre outros pontos. No estado foram registrados atos em São Bernardo, Diadema, Campinas, Bauru, Itapeva, Sorocaba, Vinhedo, Taubaté e Presidente Prudente.
Houve bloqueios ainda em Santa Catarina (Florianópolis e Chapecó), Alagoas (Maceió), Paraná (Araucária, Francisco Beltrão, Cascavel e Pato Branco), Pará (Belém e Eldorado doas Carajás), Pernambuco (em várias rodovias do entorno de Recife e outros pontos do estado, como Aliança, Jaboatão, Gravatá, Pesqueira e Caruaru), em Minas Gerais (Ouro Preto, Juiz de Fora, Congonhas e BH), Rio de Janeiro (Capital, Niterói e Campos dos Goytacazes), Sergipe (Aracaju e Monte Alegre), Rio Grande do Norte (Natal, Extremoz e João Câmara); em vários pontos na Paraíba; na Bahia (Barreiras, Catités, Santo Antonio de Jesus, Salvador); no Maranhão (São Luís), no Rio Grande do Sul (Porto Alegre e Eldorado do Sul), em Rondônia (Jaru), em Goiás (Goiânia) e em muitos outros locais.
Blog Bruno Brito
Compartilhar:

Paulo Guedes diz que recuo de deputados pode abortar a nova Previdência

Após os parlamentares minimizarem o período de transição dos servidores do texto, além de retirarem os estados e municípios e o dispositivo que permitia a implementação da capitalização da reforma, o ministro da Economia, Paulo Guedes, disse que os deputados podem “abortar a nova Previdência”. No Rio de Janeiro, ele criticou as mudanças em entrevista a jornalistas e afirmou que, por causa disso, o país terá que modificar novamente a legislação em cinco ou seis anos.
Para ele, a Câmara também sofreu pressões corporativas e o lobby dos servidores do Legislativo. “Eu acho que houve um recuo que pode abortar a nova Previdência. O recuo é que pelo menos pressões corporativas e de servidores do Legislativo forçaram o relator a abrir de R$ 30 bilhões”, disse o ministro.
Guedes ressaltou ainda que o funcionalismo público já é favorecido pela legislação atual e que deveria ter regras de transição mais duras. O relator da proposta na Comissão Especial da Câmara, deputado Samuel Moreira (PSDB-SP) apresentou nesta quinta-feira (13/6) o parecer com todas as alterações.
Para Guedes, algumas modificações já eram esperadas, mas ele considera que passou do ponto. “Eu esperava que cortassem o BPC (Benefício de Prestação Continuada) e o Rural, daí ficava R$ 1 trilhão (de economia num período de 10 anos)”, afirmou. “Eu alertei várias vezes, nós conseguimos lançar a nova Previdência, que é o compromisso com as futuras gerações. Mais aí, na verdade, cortaram R$ 350 bilhões”, completou.
O ministro ressaltou em diversas ocasiões que poderia sair do cargo se a reforma não alcançasse R$ 1 trilhão — valor necessário para lançar a capitalização, segundo ele. Na interpretação dele, sem a quantia, o país não terá compromisso com as novas gerações. “Eu não vou criticar, eu estou esclarecendo e vou respeitar a decisão do Congresso. Agora, é importante que os deputados, que o relator, se aprovar a reforma dele, que são R$ 860 bilhões, abortaram a nova Previdência”, apontou.  (Correio Braziliense)
Blog Bruno Brito
Compartilhar:
13 junho 2019

Abertura do São João de Petrolina é nesta sexta-feira no Pátio de Eventos Ana das Carrancas

A festa mais esperada do ano no Vale do São Francisco, começa nesta sexta-feira (14), em Petrolina. A partir das 19h30, o Pátio de Eventos Ana das Carrancas vai receber o público para a abertura do Melhor São João do Brasil. A expectativa é que 70 mil pessoas curtam os cinco shows da primeira noite de festa.
Uma aposta para a abertura foi a diversidade dos estilos musicais, a noite vai ser regada a muito forró, sertanejo e axé. Cinco artistas vão subir ao palco: Ivete Sangalo; Luan Santana; Mano Walter, Wallas Arrais e Gervilson Duarte. Outras dez atrações darão continuidade ao São João de Petrolina durante o restante do fim de semana. A festa continua até o dia 23 de junho. Mais de 40 artistas, entre grandes nomes da música nacional e bandas locais, serão responsáveis pela animação do evento.
O pátio tem 50 mil metros quadrados e capacidade para receber até 80 mil pessoas por noite. A estrutura da festa conta com 10 restaurantes, 28 barracas de bebidas, 8 lanchonetes e camarote. O palco, que tanto impressionou o público no ano passado, neste ano promete surpreender mais uma vez, com 60 metros de extensão e 14 de altura, e o espaço reservado para o cenário quase 10 metros maior que o do ano passado. (Ascom)
Blog Bruno Brito
Compartilhar:

Novo ataque hacker maior no “coração” da Lava-Jato

Quem são os alvos? Entre os alvos dos criminosos, estiveram integrantes das forças-tarefas de ao menos três estados (Rio, Paraná e Distrito Federal).
Resultado de imagem para Novo ataque hacker maior no “coração” da Lava-Jato

O Globoo Lauro Jardim, Chico Otavio e Jailton de Carvalho

Polícia Federal e o Ministério Público Federal (MPF) têm indícios de que o ataque hacker que expôs mensagens privadas do juiz Sergio Moro e de procuradores foi muito bem planejado e teve alcance bem mais amplo do que se sabe até agora. Entre os alvos dos criminosos, estiveram integrantes das forças-tarefas da Operação Lava-Jato de ao menos três estados (Rio, Paraná e Distrito Federal), delegados federais de São Paulo, magistrados do Rio e de Curitiba.
Além do atual ministro da Justiça e do procurador Deltan Dallagnol,foram alvo de ataques a juíza substituta da 13ª Vara Federal Gabriela Hardt (que herdou processos de Moro temporariamente quando ele deixou o cargo), o desembargador Abel Gomes (relator da segunda instância da Lava-Jato no Rio), o juiz Flávio de Oliveira Lucas, do Rio, o ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot , os procuradores Januário Paludo, Paulo Galvão, Thaméa Danelon, Ronaldo Pinheiro de Queiroz, Danilo Dias, Eduardo El Haje, Andrey Borges de Mendonça, Marcelo Weitzel e o jornalista do GLOBO Gabriel Mascarenhas . Outros dois procuradores, ambos ex-auxiliares de Janot, relataram ao GLOBO também terem sido vítimas de ataques de hackers, mas pediram para não terem os nomes publicados.
Em nota, a Justiça Federal confirmou que a substituta de Moro foi atingida e disse que o fato foi “imediatamente comunicado à Polícia Federal”. Segundo o texto, “a juíza não verificou informações pessoais sensíveis que tenham sido expostas”.
A força-tarefa da Lava-Jato em São Paulo confirmou que dois procuradores sofreram tentativa de invasão de seus celulares em maio, mas o ataque foi percebido e bloqueado. Na época, os dois já não integravam a força tarefa.
Na força-tarefa da Lava-Jato no Rio, integrantes também evitaram a invasão, já que tinham controles mais rígidos, em especial a verificação em duas etapas para acesso remoto ao aplicativo Telegram.
As mensagens atribuídas a Moro e Deltan indicam uma atuação combinada em determinados momentos da Lava-Jato, inclusive no processo que resultou na condenação do ex-presidente Lula, expondo a operação a inédito desgaste.
Mesmo após a revelação do caso, o esquema criminoso continua em atuação. Na noite de terça-feira, um hacker entrou em contato com José Robalinho, ex-presidente da Associação Nacional de Procuradores, se fazendo passar pelo procurador militar Marcelo Weitzel, que teve seu celular invadido, como revelou a revista Época.
Blog Bruno Brito
Compartilhar:

Relator apresenta parecer sobre Previdência

Do G1
O relator da proposta de emenda à Constituição (PEC) da reforma da Previdência, deputado Samuel Moreira (PSDB-SP), apresentou, hoje, em comissão especial na Câmara, parecer sobre o texto enviado ao Congresso pelo governo federal. O relatório modifica alguns dos principais pontos da matéria.
O parecer ainda precisa ser votado na comissão antes de seguir para análise do plenário. As datas de votação não foram definidas. Depois de passar pela Câmara, o texto vai ao Senado.
No plenário das duas casas, por ser tratar de uma PEC, são necessários para a aprovação votos favoráveis de três quintos do total de parlamentares (308 votos na Câmara e 49 no Senado), em dois turnos de votação.
Entenda as mudanças que o relator fez:
Idade mínima para trabalhador urbano
O que diz o texto do relator
A idade mínima para aposentadoria do trabalhador urbanos foi mantida, conforme proposto na PEC, em 62 anos para mulheres e 65 para homens. O tempo mínimo de contribuição, no entanto, sobe para 20 anos apenas para homens; para mulheres, fica em 15 anos.
O que diz a proposta do governo
A idade mínima para aposentadoria após o período de transição proposta pela PEC é de 62 anos para as mulheres e 65 para homens. O tempo mínimo de contribuição passa a ser de 20 anos para ambos os sexos.
Aposentadoria rural
O que diz o texto do relator
Idade mínima deve permanecer em 55 anos para mulheres e 60 para homens trabalhadores rurais e para quem exerce atividade economia familiar, incluindo garimpeiro e pescador artesanal. O tempo mínimo de contribuição fica elevado de 15 para 20 anos apenas para homens; no caso das mulheres são mantidos 15 anos.
O que diz a proposta do governo
Idade mínima de 60 anos para aposentadoria de homens e mulheres, com 20 anos de tempo de contribuição parta ambos os sexos.
Professores
O que diz o texto do relator
Idade mínima de 57 anos para aposentadoria das mulheres professoras e 60 para homens, até que sejam definidos novos critérios por meio de lei complementar. A regra vale para professores da educação infantil, ensino fundamental e médio.
O que diz a proposta do governo
Idade mínima de 60 anos de idade para aposentadoria de homens e mulheres.
Capitalização
O que diz o texto do relator
O relatório retira a possibilidade de capitalização.
O que diz a proposta do governo
Uma lei complementar deveria instituir um novo regime de Previdência Social com regime de capitalização.
Benefício de Prestação Continuada (BPC)
O que diz o texto do relator
Elimina mudança na regra e permite que idosos pobres continuem a receber um salário mínimo a partir dos 65 anos.
O que diz a proposta do governo
Idosos pobres passam a receber R$ 400 a partir dos 60, e um salário mínimo a partir dos 70.
Abono salarial
O que diz o texto do relator
Define que o pagamento do abono deverá ser feito aos trabalhadores de baixa renda.
O que diz a proposta do governo
O pagamento do abono salarial fica restrito aos trabalhadores com renda até um salário mínimo.
Salário-família e auxílio-reclusão
O que diz o texto do relator
Beneficiários do salário-família e do auxílio-reclusão são pessoas de “baixa renda”.
O que diz proposta do governo
Beneficiários do salário-família e auxílio-reclusão devem ter renda de até um salário mínimo.
Blog Bruno Brito
Compartilhar:
10 junho 2019

Em Clima de Fé e Devoção, romeiros lotaram o povoado de Cachoeira do Roberto em mais um ano de Romaria do Divino Espírito Santo.






No Pacato Povoado de Cachoeira do Roberto zona rural da cidade de Afrânio no sertão do São Francisco, aconteceu neste último final de semana a romaria do Divino Espírito Santo.

A tradicional festa religiosa já acontece a 202 anos e reúne pessoas de diversos estados, atraindo mais de 20 mil romeiros.

No sábado(08) a virgília de Pentecostes foi presidida pelo bispo emérito Dom Paulo, no domingo (09) foi realizada a missa de encerramento, presidida pelo Bispo Dom Francisco Canindé, após a missa os romeiros saíram em procissão até a igrejinha do Divino distante 2km do povoado, muitos de pés descalço, enfrentando o sol quente, pagando promessas como forma de agradecimento pela graça alcançada.

Blog Bruno Brito

Compartilhar:

Urgente! Rafael Miguel, de Chiquititas, e pais são assassinados em São Paulo; sogro é suspeito

[Rafael Miguel, de Chiquititas, e pais são assassinados em São Paulo; sogro é suspeito]
O ator Rafael Miguel, 22 anos, e seus pais, João Alcisio Miguel, 52 anos, Miriam Selma Miguel, 50 anos, foram assassinados a tiros na noite deste domingo (9), na Estrada do Alvarenga, na Zona Sul de São Paulo. As m
As mortes foram confirmadas pelo SBT, emissora para a qual Miguel trabalhou na mais recente produção da novela Chiquititas, e detalhes do caso foram descritos pelo jornalista Luiz Bacci, da TV Record, em suas redes sociais.
De acordo com Bacci, em informações repassadas pela Polícia Militar de São Paulo, o sogro do ator é o principal suspeito pelo crime. Ele teria assassinado Rafael Miguel e seus pais por ciúmes da filha, 18 anos.
“O namoro proibido era controlado de perto por Paulo Cupertino Matias (identidade do sogro). Um homem possessivo e temido por toda família e amigos. Ele fugiu após ter atirado”, relatou Bacci, em publicação na qual mostra um vídeo do casal se beijando.
O jornalista diz que a garota ajudou o ator a superar uma depressão, mas que os dois tinham um namoro conturbado pelo ciúmes do pai, que, de acordo com o relato de testemunhas, obrigava a menina a permanecer trancada em casa.
Neste domingo, a família de Rafael teria visitado Isabela após ela se sentir mal. No local, teriam sido assassinados pelo pai da garota, por razões ainda desconhecidas. O suspeito de ter cometido o crime fugiu.
Rafael Miguel interpretou o personagem “Paçoca” em Chiquititas e, mais novo, ficou famoso em um comercial do suplemento nutricional Sustagen, no qual pedia: “mãe, compra brócolis?”.(Bnews)
Blog Bruno Brito
Compartilhar:
04 junho 2019

Chegou em Petrolina a Ótica Carvalho, o seu melhor ponto de Vista.




O empresário Elton Carvalho, inaugurou na manhã desta última segunda-feira (03) na cidade de Petrolina no Vale do São Francisco, a  Ótica Carvalho, o seu melhor ponto de vista. A ótica vem oferecendo um atendimento com médicos altamente qualificados, óculos de grau, de sol,  infantil e adulto, masculino e feminino, alianças e relógios com ótimos preços. 


Localizada na Av. Coronel Amorim, Nº 138, Centro Petrolina/PE, em frente ao colégio Dom Bosco, visite e faça a sua consulta.

Blog Bruno Brito


Compartilhar:
03 junho 2019

Regras mais rígidas para concurso público entram em vigor

Ministério da Economia analisará necessidade de contratações



Estabelecidas por decreto editado em março, as novas regras para a realização de concursos públicos entram em vigor hoje (1º). Caberá ao Ministério da Economia analisar e autorizar todos os pedidos de concursos públicos na administração federal direta, nas autarquias e nas fundações.
Agora, o Ministério da Economia levará em conta 14 critérios para autorizar a realização de concursos. Um deles é a evolução do quadro de pessoal nos últimos cinco anos pelo órgão solicitante, com um documento que deve listar movimentações, ingressos, desligamentos, aposentadorias consumadas e estimativa de aposentadorias para os próximos cinco anos.
O ministério também avaliará o percentual de serviços públicos digitais ofertados pelo órgão. O governo quer que os órgãos invistam em soluções tecnológicas para simplificar o acesso aos serviços públicos, de forma a atender melhor à população e reduzir a necessidade de pessoal.
Todos os anos, os órgãos federais encaminham os pedidos para a realização de concursos até 31 de maio. Após esse prazo, a Secretaria de Gestão e Desempenho de Pessoal (SGP) examina todas as demandas, de acordo com as prioridades e necessidades do governo. O resultado desse processo é levado em conta na elaboração do Orçamento do ano seguinte, que é enviado ao Congresso no fim de agosto.
Somente após a análise, o Ministério da Economia autoriza o concurso, por meio de portarias no Diário Oficial da União. Cada órgão ou entidade federal estará liberado para organizar o concurso conforme o número de vagas liberadas.
O Artigo 169 da Constituição condiciona a admissão ou a contratação de pessoal à autorização específica da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), que define metas e prioridades para o Orçamento. Discutido pelo Congresso ao longo dos últimos quatro meses do ano, o Orçamento Geral da União reserva os recursos para as contratações.(Agencia Brasil)
Blog Bruno Brito
Compartilhar:
01 junho 2019

INSOLE E CERPEL lançam um novo serviço na região: Energia Solar

A Cooperativa de Energia e Desenvolvimento de Petrolina e Região – CERPEL, inaugurou nessa sexta-feira(31), o seu novo serviço que é oferecer energia solar para a toda a região. A cooperativa reuniu vários convidados em sua sede e na oportunidade apresentou o projeto que vai implantar a energia solar para um novo jeito de economizar e gerar a sua própria energia em parceria com a INSOLE PETROLINA.
A parceria entre a CERPEL E INSOLE deve gerar bons frutos para um projeto que pode revolucionar a implantação da energia solar no vale. Você vai conhecer um novo jeito de economizar e gerar sua própria energia.
A INSOLE é uma empresa especializada no desenvolvimento de soluções em energia solar fotovoltaica, atuando na concepção, operação, manutenção e no comissionamento de sistemas fotovoltaicos conectados à rede. Tendo um dos maiores acervos técnicos do segmento de geração solar distribuída, com mais de 600 instalações de energia solar em todo o Brasil.
Para o Presidente da CERPEL, José Vianei Galdino, “Petrolina e toda a região vai conhecer um serviço que deve poder gerar uma economia muito grande para todos aqueles que quiserem ter conhecimento em implantar energia solar própria em sua casa, sua empresa ou outros locais”.
No encontro dessa sexta-feira, a INSOLE  e a CERPEL, apresentaram a novidade e esperam corresponder a expectativa das duas unidades.
As unidades INSOLE/CERPEL, ficam na Rua São Vicente de Paula, 298, atrás da Banca, Petrolina-PE e o telefone à disposição da comunidade é o 87 3013 2221.
Blog Bruno Brito
Compartilhar:
Postagens mais antigas → Página inicial

CONNECT VIAGENS E TURISMO






Broomer






ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI











Tecnologia do Blogger.

ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI

MESTRE SERVIÇOS






PARCEIRO






Cachoeira do Roberto 200 Anos

Cachoeira do Roberto 200 Anos

Instagram


Pesquise







Mais Acessadas

ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI